27 de abril de 2020

BPP registra 30% de aumento no uso de cartões pré-pagos

Segundo levantamento realizado pela BPP, movimentação referente a Cultura ganhou destaque com alta de 379%

A BPP, Instituição de Pagamento regulamentada pelo BACEN sob o número 301 e a maior emissora de cartões pré-pagos Visa, realizou levantamento interno e comemora o crescimento na utilização do cartão por seus clientes de uma forma geral, tanto empresa quanto pessoa física, com crescimento girando em torno dos 30% no comparativo dos três últimos meses de 2019 com o mesmo período de 2018.

Dividindo a utilização por categorias, Cultura ganhou destaque com crescimento próximo de 380%. Neste item soma-se, além dos tradicionais teatro, cinema, compra de revistas e jornais, todo gasto relacionado a pagamentos recorrentes voltados para serviços de streaming ligados a música e vídeo.

Observando-se esse crescimento, há uma confirmação de que o uso de cartões na modalidade pré-pago ganha cada vez mais espaço no dia a dia dos brasileiros. De acordo com levantamento da Visa Consulting & Analytics (VCA) – consultoria da Visa, a emissão de cartões Visa pré-pagos no Brasil cresceu acima de 50% nos primeiros seis meses de 2019 em comparação ao mesmo período de 2018.

Sem um perfil definido de consumidor, o pré-pago atende diversas demandas tendo como benefício direto a praticidade e a segurança na hora de se efetuar uma compra ou pagamento recorrente.

Ponto a ser considerado na hora da aquisição desse modelo de cartão tem a ver com o controle das finanças, ajudando na inclusão digital de pessoas. O pré-pago pode ser uma ótima opção para desbancarizados, além de facilitar o controle orçamentário. O usuário passe a ter uma educação financeira muito por conta do modelo de funcionamento que só permite a compra mediante saldo no cartão, diferente do débito ou mesmo crédito, não permitindo que o consumidor fique no vermelho.

A Saúde também é uma preocupação na vida do brasileiro e teve, segundo levantamento da BPP, um aumento de 184%, seguido pela Alimentação com 75% e com o Lazer, cerca de 55%.

Uma pesquisa realizada pelo Instituto Locomotiva em 2019, mostra que no Brasil ainda há cerca de 45 milhões de desbancarizados, ou seja, brasileiros que optaram por não ter conta em banco, não movimentaram a conta bancária há mais de seis meses ou mesmo deixaram de ter uma conta em banco por algum motivo em particular. Segundo a sondagem, essa parcela da população movimenta anualmente no país mais de R$ 800 bilhões.

Fazendo uma análise dos crescimentos mais relevantes dentro da BPP, nota-se que existe um processo de melhora na economia, com o brasileiro podendo gastar mais com Saúde/Bem Estar e aproveitando para investir em Cultura e Lazer além de colocar mais comida na mesa com o aumento dos gastos com Alimentação.

Dados da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) que representa o setor de meios eletrônicos de pagamento, apontam que o cartão pré-pago teve uma alta de 85% no segundo semestre de 2019, no período entre julho e setembro, cuja movimentação chegou a R$ 5,4 bilhões.

Também observa-se que o pré-pago tem sido uma primeira opção dos pais para os filhos darem início aos primeiros passos na educação financeira, administrando a mesada em cartões que, em muitos casos, são os primeiros da vida que os pequenos e jovens adolescentes começam a usar na rotina diária, mostrando crescimento de 14% no período analisado.

A diversidade de uso como mencionada, aliado à forma simples de ser adquirido mostra claramente porque esse cenário se torna positivo para os cartões pré-pagos que estão cada vez mais frequentes e se fazem sempre presente na vida do brasileiro.

Dentro da BPP o ticket médio no período girou em torno de R$ 150,00 permitindo que uma parcela considerável de indivíduos tenha acesso a serviços inovadores e tecnológicos, se inserindo no mercado financeiro e se tornando ativo e participativo novamente.

Um outro ponto a ressaltar no crescimento da utilização do pré-pago se deve ao aumento de procura e uso do modelo com tecnologia NFC em uma grande parcela de linhas de ônibus em circulação na cidade de São Paulo. A facilidade e praticidade estão fazendo com que usuários corriqueiros e turistas em circulação optem por esse modelo de cartão para conhecer a cidade se utilizando do transporte público.

 

Sobre a BPP

A BPP é uma Fintech especializada em meios de pagamento conhecida inicialmente por Brasil Pré-Pagos. Remodelou o seu nome para BPP em 2018, seguindo a modernização do mercado onde atua. Uma das líderes mundiais em emissão de cartões pré-pago VISA, com mais de 10 anos de experiência em cartões em moedas estrangeiras e amplo know-how em soluções pessoais e corporativas em meios de pagamento. Com foco em tecnologia, inovação e automação de processos, a BPP é uma instituição de pagamento regulamentada pelo BACEN e possui o código 301 que a faz pertencer ao SPB (Sistema de Pagamentos Brasileiro). Para saber mais acesse – bpp.com.br

 

Imprensa
BPP
Renata Bigaram – imprensa@bpp.com.br
Assessora de Imprensa – 19 97407-5642


Contato assessoria de imprensa

Se você tem alguma dúvida ou algum pedido entre em contato com a nossa assessoria de imprensa.

Renata Bigaram | imprensa@bpp.com.br

Press Kit e Guia da Marca

Aqui você encontra tudo que precisa para usar a marca dentro dos nossos padrões. Bom trabalho.

Logo BPP

Ícone APP

Telas do APP

Fotos